Prefeitura de Caraguá notifica Queiroz Galvão para atender normas contra o coronavírus

Construtora Queiroz Galvão coloca mais de 1500 funcionários em risco de contaminação pelo COVID-19

A Vigilância Sanitária de Caraguatatuba notificou na manhã desta segunda-feira (23/03) a Construtora Queiroz Galvão para que se adeque as normas epidemiológicas sobre o novo coronavírus, a Covid-19 e exige a parada das atividades de produção, permanecendo apenas os essenciais.

A Prefeitura recebeu denúncias de que trabalhadores estavam em espaços de aglomeração sem os devidos cuidados com higiene e de que a empresa Construtora Queiroz Galvão não teria reduzido a sua jornada de trabalho.

Os trabalhadores atuam na obra de duplicação da Rodovia dos Tamoios (SP-99), que apontam a falta de medidas efetivas para evitar a disseminação do coronavírus.

A equipe da Vigilância Sanitária encaminhou ofício à empresa para adequações emergenciais e garantia da saúde de todos os trabalhadores e colaboradores, sob pena de ajuizamento de ação.

O prefeito de Caraguatatuba, Aguilar Junior, esteve pessoalmente conversando com trabalhadores no pátio de obras e ouvindo as reivindicações. O Ministério Público foi acionado ajudar no cumprimento da medida.