Coordenador pedagógico indica erros comuns na preparação para o Enem, e como evitá-los

Ainda falta um pouco mais de um mês para o Enem, o Exame Nacional do Ensino Médio, e a pressão entre os estudantes aumenta conforme vai se aproximando a data das provas, marcadas para 5 e 12 de novembro. E essa pressão pode fazer com que eles cometam alguns erros nesse período preparatório. “Fora a dedicação necessária, é preciso manter a calma e a disciplina para tirar o melhor proveito possível nesses dias que antecedem as provas, evitando alguns hábitos que podem ser prejudiciais, mas que muitos nem se dão conta ou não acreditam o quanto comprometem os estudos”, diz Fabio Silva, coordenador pedagógico do Ético Sistema de Ensino. Mas, para ajudar os alunos a não cair nessas armadilhas, Silva dá algumas dicas:

– é importante estabelecer um plano de estudos, com horários bem definidos, distribuindo o tempo necessário para cada uma das disciplinas, e fazer disso uma rotina;

– mas cuidado ao fazer essa divisão de tempo, para não se dedicar demais a disciplinas que tenha mais afinidade ou facilidade de compreensão, pois o resultado do exame leva em conta o desempenho em todas as disciplinas;

– além de garantir mais tempo às matérias mais difíceis, procure iniciar os estudos justamente por elas. Se deixá-las para o final, o cansaço pode comprometer ainda mais o seu entendimento;

– por falar em cansaço, é importante reservar alguns horários de pausa durante os estudos, para relaxar o corpo e a própria mente;

– Durante os intervalos, aproveite para conferir as notificações ou mensagens no celular, mas lembre-se de mantê-lo afastado, no modo silencioso ou até mesmo desligado durante os períodos de estudo;

– por fim, dormir bem e se alimentar direito também ajudam a melhorar o rendimento.

 

Sobre o Ético Sistema de Ensino

Referência na área educacional, oferece soluções educacionais a centenas de escolas espalhadas pelo país. Com projetos integrados e inovadores, desenvolve materiais pedagógicos para diversas disciplinas, em diferentes plataformas, tanto para uso dos alunos como também para dar suporte aos professores, atendendo desde a educação infantil até a fase pré-vestibular.